27 setembro 2008

O Espírito dos Pássaros

O ESPÍRITO DOS PÁSSAROS

Autor
Luis Carlos dos Santos

Fotografia interior de
Raul Costa

Edição do autor
1ª edição/Agosto de 2007

Editora
Casa de Estudos de Alhos Vedros


INTRODUÇÃO

Na sua eterna liberdade, o Pássaro Azul, ser que dá título ao primeiro conto deste livrinho, voando, veio até Alhos Vedros. Decerto por sentir alguma familiaridade com o lugar. A mim que me foi dada a honra e o prazer de ser seu anfitrião na sua passagem pela terra, disso deverei dar testemunho.

Alhos Vedros é terra de pássaros, também de pombos, e eu não podendo fugir ao sítio em que nasci e cresci, por razões que não vêm agora ao caso, sempre tive fortes ligações a uns e a outros.

Por etimologia, em parte por mim inventada, Alhos Vedros significa Homens Velhos com Asas. Uns dizem que a etimologia, polémica, da palavra remonta ao latim, outros que nem tanto, mas para mim encontro-lhe razão nessa singela definição. É verdade que não sou por ela o único responsável, mas livro à frente perceberão porquê.

Como, de vez em quando, vou gastando o meu tempo desta vida rascunhando algumas palavras, de repente percebi que tinha nas mãos um pequeno livro sobre os ditos pássaros. Todos reais, embora uns mais facilmente perceptíveis do que os outros. Nada foi fruto de arquitectada imaginação, bem pelo contrário, o livrinho é todo ele bem real.

Um livro sobre pássaros, dizia, esses misteriosos entes, mais que não seja pela facilidade com que desafiam a gravidade, em relações que atravessam muitas vezes a existência humana, num mundo mágico, desconhecido, incompreensível, bem diferente daquele que nos é dado pelo dia a dia da vida moderna, urbana, ocidental, globalizada.

No fundo, creio, que este Espírito dos Pássaros trata, sobretudo, de uma lição sobre a conquista da Liberdade, aspecto da vida que tanta importância tem para nós, onde os pássaros se constituem como uma boa fonte de inspiração. Espero que a contribuição seja efectiva e que possamos ser bem sucedidos.


Pedras D’El Rei, Tavira.

3 comentários:

A.Tapadinhas disse...

O pássaro não voou até mim... ou talvez tenha voado, mas só em espírito! Quando é que ele, vem até às minhas mãos?
Parabéns!
Abraço.
António

luis santos disse...

O "Espírito dos Pássaros" é um livro de contos. Um desses contos, "O Pássaro Azul", que te é dedicado, como sabes, foi-te oferecido. Foi editado em forma de prenda de Natal para alguns amigos. Quanto ao Livro todo ainda está no prelo, mas estou a pensar editar em formato e-book. Quando estiver pronto há um exemplar para ti. Com certeza. Abraço, Luis.

A.Tapadinhas disse...

Agradecimentos antecipados. Da leitura da mensagem original, entendi que o livro já estava lançado, daí a minha "reclamação"...
Abraço.
António